Poeminhas

por Homero Nunes
Millôr

Mamãe não avisou que vinha
Se ela vier,
Mando matar uma galinha
Manuel Bandeira


Parâmetro
Deus é mais belo que eu.
E não é jovem.
Isto sim, é consolo.
Adélia Prado

Dos milagres
O milagre não é dar vida ao corpo extinto,
Ou luz ao cego, ou eloquência ao mudo
Nem mudar água pura em vinho tinto
Milagre é acreditarem nisso tudo!
Mário Quintana

Um homem com uma dor 
é muito mais elegante 
caminha assim de lado 
como se chegasse atrasado 
andasse mais adiante 
Paulo Leminski

Novelha cozinha poética
Pegue uma fatia de Theodor Adorno 
Adicione uma posta de Paul Celan 
Limpe antes os laivos de forno crematório 
Até torná-la magra-enigmática 
Cozinhe em banho-maria 
Fogo bem baixo 
E depois leve ao Departamento de Letras
Para o douto Professor dourar. 
Waly Salomão

Poema do jornal
O fato ainda não acabou de acontecer
e já a mão nervosa do repórter
o transforma em notícia.
O marido está matando a mulher.
A mulher ensangüentada grita.
Ladrões arrombam o cofre.
A polícia dissolve o meeting.
A pena escreve.
Vem da sala de linotipos a doce música mecânica.
Carlos Drummond de Andrade

Poema do Beco
Que importa a paisagem,
a Glória, a baía,
a linha do horizonte?
— O que eu vejo é o beco.
Manuel Bandeira

Na poça da rua 
O vira-lata 
Lambe a Lua.
Millôr Fernandes

mar azul
mar azul marco azul
mar azul marco azul barco azul
mar azul marco azul barco azul arco azul
mar azul marco azul barco azul arco azul ar azul
Ferreira Gullar



Sobre os autores

Acompanhe